Postagens populares

Pesquisar este blog

Carregando...

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

BRAZIL: RUMOREJANDO COM JUCA ZOKNER



RUMOREJANDO


PEQUENAS CONSTATAÇÕES, NA FALTA DE MAIORES.
Constatação I
Não se pode confundir rugido com mugido, até porque, em condições normais de pressão e temperatura, quem solta rugido é o leão e quem solta mugido é a vaca. Isso absolutamente não impede que os humanos soltem rugido e mugidoTudo depende do grau de importância que cada um se dá, do grau de delicadeza; da intensidade do pisão no seu calo e assim por diante. A recíproca, honestamente, eu confesso que não sei se é verdadeira ou não. Quem souber, por favor, comentários no blog. Obrigado.
Constatação II
Graças ao meu estro*
Que eu me tornei
Ambidestro
Quando
Te amei,
Te amassei,
Com carinho,
Não só na hora
Do bem-bom,
Mas também agora
Que toco sestro,**
Acompanhando
Um cavaquinho
E um violão.
*Estro ="2 entusiasmo artístico, riqueza de criação, gênio criador" (Houaiss)
**Sestro = Substantivo masculino.
1.Antigo instrumento egípcio de percussão, que consistia num pequeno arco metálico atravessado horizontalmente por pequenas hastes também de metal, as quais, agitadas por meio de um cabo, produziam som agudo e prolongado:
“Crótalos, búzios, tímpanos, badalos, / Sistros ressoam!” (Martins Fontes, Verão, p. 21.)
2.Espécie de marimba com lâminas metálicas.
3.Etnografia. Instrumento musical, usado na América do Sul, entre os índios cadiueus, constituído por uma forquilha entre cujas extremidades é esticada uma corda em que são enfiados discos que se entrechocam quando o instrumento é sacudido. (Aurélio).
Constatação III
Deu na mídia: "Diretoria do FMI sabe pouco de América Latina, não possui diplomacia para lidar com países latinos-americanos, nem sequer experiência para enfrentar as crises financeiras, diz o seu ex-diretor Claudio Loser". Nós, simples pobre mortais de Rumorejando, também sempre achamos, mas nunca ninguém nos prestou a mínima atenção. Talvez, agora. Talvez...
Constatação IV
Foi cavalheiresco,
O beijo ardente,
Romanesco,
Mas arrancou
Um dente
Que provocou
Na amante
Um ar dantesco,
Um mau semblante,
Grotesco,
Agoniado
Que a deixou
Desconsolada
Tão somente.
Coitado!
Coitada !
Constatação V
Deu na mídia: “Mesmo com o elevado superávit primário registrado nos últimos anos, a dívida líquida do setor público vem crescendo correspondente a mais de 50% do Produto Interno Bruto (PIB). Data vênia, como diriam nossos juristas, este assim chamado escriba acha que a dívida, baixando ou não, é impagável. Tenho dito!
Constatação VI
O dólar vem caindo
E eu não sei
E também
A ninguém
Perguntei,
fazendo bulha,
Ou quieto,
Se existe alguma relação
Com inflação
Ou exportação,
Mas o correto
É que o meu dinheiro
Está sumindo
Que nem agulha
No palheiro.
Constatação VII
Tive que fazer estágio
No seu empedrado coração,
Pagando um alto pedágio,
Pois não houve outra opção.
Constatação VIII
Não se pode confundir (de novo, pô ?) jacta com jaca, muito embora quem se jacta de comer uma jaca, daquelas de 10 quilos, sozinho, numa vez só, está correndo o risco de
não poder se jactar nunca mais na sua vida. Idem, idem se a dita cuja cair na sua cabeça. Quanto à recíproca, deixa pra lá.
Constatação IX
Quem deixou de assistir o projeto "O samba e sua nobreza", em que se apresentaram em Curitiba e Florianópolis, os grandes nomes de Velha Guarda da Portela, da Mangueira e de outros tantos nomes lembrados e cantados como Noel Rosa, Carlos Cachaça, Nelson Sargento, Ataulfo Alves, apenas para citar alguns poucos, não sabe nada de nada. Tenho dito!
Constatação X
Deu na Folha de São Paulo: “O PT e o PMDB fizeram um acordo para encerrar a CPI do Cachoeira sem levar à frente investigações que poderiam elucidar o envolvimento de políticos no esquema do empresário Carlinhos Cachoeira”. Comentário de Rumorejando: VIGE!
Constatação XI
Assim como está na hora de eliminar a reversão à esquerda, também está na hora de dar um jeito na irregularidade das calçadas, em Curitiba. Novamente, tenho, agora com tropeções, dito!
Constatação XII
Deu na mídia, mais precisamente no site do Estadão: “Banco Central reduz a 1,6% crescimento do PIB em 2012. Estimativa se aproxima do patamar de 1,5%, que já foi considerado ‘uma piada’ pelo ministro da Fazenda; BC também aumentou projeção de inflação de 4,7% para 5,2%”. Data vênia, como diriam nossos juristas, mas Rumorejando tem receio que até o fim de ano o PIB poderá passar a um número negativo e a inflação atinja um patamar de dois dígitos. Vige!
Constatação XIII
Deu na mídia, mais precisamente no Estadão um vídeo com Leandro Modé: “Governo acerta ao pedir mais clareza dos bancos na cobrança de tarifas. Mas é preciso cuidado com a saúde das instituições”. Data vênia, como diriam nossos juristas, mas Rumorejando acha que as taxas, juros que os bancos cobram já são mais que suficientes para cuidar da saúde das instituições. Quanto à saúde dos correntistas com relação ao que pagam às referidas instituições o senhor Leandro Modé ainda não se pronunciou. Cáspite!
Constatação XIV (De um pseudo-soneto).

     Tragédia pessoal e financeira

Ela deixou meu coração em frangalho
Dos demais pobres órgãos eu nem falo,
Eu não reclamo, eu silencio, eu me calo.
No entanto, eles me deram muito trabalho.

Isso sem comentar, relatar da dívida imensa
Feitas com cartão na nossa conta conjunta
E não recebi resposta a minha pergunta
Por que gastar tanto e não era uma prensa.

O questionamento foi feito em tom natural
Não revelando raiva, angústia ou decepção
Entretanto me causou um distúrbio duodenal.

No fim, tive que recorrer a médicos especialistas
Cujo preço da consulta também era uma aberração
Chegando aos montantes que cobram os analistas...

Constatação XV
Não se pode confundir insolvente com insolente, muito embora, depois do emprestador tentar cobrar uma já antiga dívida, o insolvente reagiu acusando o credor de insolente. A recíproca não é verdadeira, pois há insolente que paga em dia seus débitos, mas poderá vir a ser no caso que o cobrador seja insolente por natureza.
Constatação XVI
E não se pode confundir pústula com postula, muito embora o que se tem visto de candidatopústula que postula um cargo nas eleições, não está escrito em lugar algum. E pior, mormente, quando se vê que assim chamada justiça eleitoral e outras jogando para o eleitor a decisão de votar em “ficha limpa”, que – normalmente sem condições de saber quem o é – não toma providências, mesmo para os casos flagrantes, em impedir que o pústula possa se candidatar. E isso com a propaganda, na televisão, instando que não se deixe de votar e que não se vote em quem tem ‘ficha suja’. Conclusão: Em certos países sempre quando se aprova uma lei se deixa brecha, ou brechas, para que ela possa ser contestada, refutada, malversada e outras ‘ada’ aéticas e imorais. Vige!
Constatação XVII
E, ainda, não se pode confundir sanha* com senha, muito embora quem, em determinadas ocasiões, esquece a sua senha fica com sanha de si mesmo.  
Sanha = substantivo feminino
1 rancor, fúria, ira, desejo de vingança
2 vontade incontrolável (Houaiss).
Constatação XVIII
Rico tem, às vezes, um lapso; pobre, sempre esquece.
Constatação XIX
De repente, não mais que de repente a gente se dá conta a existência de juízes e desembargadores que sua – deles – conduta ilibada é que nem o socialismo: pura utopia...
Constatação XX
Em certos países e, particularmente, no nosso há certo tipo de eleitores: aqueles que votam no menos pior; aqueles outros que votam pensando no quanto pior melhor; aqueles que ainda acreditam em promessas; aqueles que simplesmente anulam o voto; aqueles que anulam o voto,  votando em animais como foi o caso, no passado, do rinoceronte Cacareco e aqueles que votam por votar, mormente para não ter problemas com o Tribunal Eleitoral. Porém a um detalhe comum a todos. Quaisquer que sejam os resultados estarão todos fod, digo, ferrados, salvo àqueles que conseguirão um cargo, carguinho ou cargão. Vige!
Constatação XXI
E como filosofava o obcecado: “Cada sessenta segundos que você passa mal-humorado, angustiado ou mal, é um minuto de alegria que não voltará. A mesma coisa acontece com um evento do bem-bom: Cada um que for adiado estará perdido para sempre”.
Constatação XXII
Depois que houve empate entre candidatos a prefeito da minha Balsa Nova e o cargo é dado para o candidato mais velho, este assim chamado escriba acha que, além do atendimento prioritário nos bancos para, dentre outros, os de idade provecta encontraram mais uma ínfima, escassa e irrisória vantagem...
Constatação XXIII (Quadrinha para ser recitada por quem assim o desejar um tanto quanto confusa).
Resolver uma equação do segundo grau de cabeça
Não é para qualquer cidadão e simples mortal
Mas se você conseguir que isso ocorra, aconteça
Terá que saber bem a tabua de logaritmo decimal.
DÚVIDAS CRUCIAIS VIA PSEUDO HAICAIS
  
Dúvida I
O bemol e o sustenido
Daquele músico
Parecia mais um balido ?
Dúvida II
De tão esquálido
Não deu para ver
Como ele estava pálido ?
Dúvida III
É muita sisudez
Não responder a uma
Pergunta em Javanês ?
Dúvida IV
É muita insinuação
Ficar enaltecendo,
Todo tempo, o bem-bom ?
Dúvida V
Só o comprimido
Pra pressão alta e sogra
É que baixa a libido ?
Dúvida VI
Você também acha
Que, agora, o Brasil
Não vai e não racha ?
Dúvida VII
É uma decisão política
Ela me lançar: “Afinal,
Você vai ou fica” ?
Dúvida VIII
Quem colhe uma rosa
No jardim do seu coração
Fica todo prosa “?
Dúvida IX
É um grande pleito
Querer levá-la
Para o leito ?
Dúvida X
Fizeram um carnaval
Quando a 9ª de Beethoven
Virou Patrimônio Mundial ?
Dúvida XI
É muita leviandade
Surrar o meu Paraná
Sem dó nem piedade ?
Dúvida XIIDiante de tantas pagas
Restaram no inferno,
Pouquíssimas vagas ?
Dúvida XIII
Da invicta, foi o atrevido
Que arrancou um beijo
Com um baita estalido ?
Dúvida XIV
Foi o fandango
Que disse para a milonga
Vamos dançar um tango ?
Dúvida XV
Aí, disse a milonga:
Tango eu não sei dançar
Mas você não dança conga ?
Dúvida XVI
Não seja tongo
Você não acha conga
É só para mocorongo ?
Dúvida XVII
Se não houvesse o indefectível segundo turno
Você ficaria mais jubiloso, exultante, alegre
E, consequentemente, não ficaria tão soturno ?