Postagens populares

Pesquisar este blog

Carregando...

quarta-feira, 3 de junho de 2015

BRAZIL: REDE GLOBO E FAVELA? O complexo do ENIGMA DA GLOBO.


FAVELAS BRASILEIRAS: O INIMIGO AGORA É...A REDE GLOBO!

UPP-unidade de "pacificação" de pobres!
PPPPF- POBRE PRETO PIVETE PROSTITUTAS, FAVELADOS!
http://gshow.globo.com/novelas/i-love-paraisopolis/extras/noticia/2015/04/elenco-apresenta-i-love-paraisopolis-nova-novela-das-7-em-coletiva-no-projac.html


ATENÇÃO: esse texto está em (DES)CONSTRUÇÃO seguindo a trama da novela-favela tipUnet, ops, rede Globo! ENTÃO ACOMPANHE AQUI...
CAPÍTULO 1.

"A política de ‘pacificação’ no Brasil vem desde Duque de Caxias, passa por Canudos e hoje é encontrada nas favelas. Como se deu isso historicamente e como você avalia o que temos hoje?"
"É claro que já temos todo um precedente que apoia isso, mas o que nós temos hoje, o programa da UPP e o termo pacificação, está ligado diretamente ao programa dos Estados Unidos na Guerra do Vietnã, que, aqui, está ligado à doutrina de segurança interna, que foi aplicada durante toda a ditadura militar. Isso foi criado durante a ditadura, não foi com Duque de Caxias nem com a escravidão. Apesar de podermos dizer que o Bope [Batalhão de Operações de Policias Especiais] parece o capitão do mato, na verdade ele é um soldado armado para enfrentar uma guerra interna, e o inimigo interno é, no conceito da pacificação de hoje, o povo todo das favelas."
"Costuma-se dizer que a referência da UPP aqui no Brasil veio da Colômbia. Você diz que veio do Vietnã. O que há em comum na experiência de Brasil, Colômbia e Vietnã?"
"Têm em comum o cerco, a tomada do território, o trabalho primeiro militar, seguido de um trabalho social. No Rio o trabalho social nunca chegou, ficou só no repressivo. Em Bogotá sim, teve mais trabalho social, que também não foi adiante, mas a repressão foi mais intensa. O Vietnã foi o modelo, com um programa que se chamava Pacification Hamlets. Era o cerco das aldeias que eles achavam que estavam sob influência dos vietcongues, em áreas do Vietnã do Sul, que estava em guerra com o Vietnã do Norte. Os Estados Unidos apoiavam o Vietnã do Sul, mas havia várias áreas que estavam sob influência dos vietcongues. E nesses territórios eles fizeram o Pacification Hamlets, que seguia muito o modelo que agora a gente vê da UPP: primeiro uma invasão militar do território, seletivamente eliminando os líderes mais importantes; depois uma segunda onda de repressão que envolvia tortura não seletiva – já não eram os líderes, mas qualquer pessoa comum que eles pegavam, torturavam e jogavam para as outras verem, como parte do terror; e controle de modo que a aldeia ficasse pacificada pelo medo. Mas vinha uma segunda etapa que era para ganhar corações e mentes, com programas de educação, esportes em geral e saúde também, com muita coisa voltada para crianças. A ideia era dividir a comunidade, que algumas pessoas que estivessem envolvidas em programas sociais achassem bom e tentassem ignorar a parte repressiva. E a parte repressiva passava a ser mais escondida. No caso do Vietnã, quando houve o massacre muito famoso em My Lai, o povo se rebelou e os Estados Unidos tiveram que fugir quando perderam a guerra. E o mesmo vai acontecer no Brasil. Chega um momento em que a política de terror gera mais raiva do que medo. É parte da própria sobrevivência: qualquer animal quando está muito acuado se defende atacando. E essa reação vem quando você começa, por exemplo, a perder seus filhos."http://www.ecodebate.com.br/2014/05/27/o-inimigo-interno-e-no-conceito-de-pacificacao-de-hoje-o-povo-todo-das-favelas-entrevista-com-maria-helena-moreira-alves/

COMPLEXO DE FAVELAS PARAISÓPOLIS. SÃO PAULO. SP. BRAZIL, BRÉSIL!
"Locação do m² comercial no centro da comunidade alcança valor da Oscar Freire, endereço nobre de SP
TIM, Vivo e Santander chegam até o início de 2012; nos últimos 18 meses, 20 companhias procuraram a região
Nas ruas estreitas e movimentadas do centro comercial de Paraisópolis, comunidade de 100 mil habitantes na zona sul de São Paulo, a variedade é grande.Caminhando poucos metros, é possível encontrar Casas Bahia, Bradesco e Banco do Brasil ao lado de lojas locais, como a Gisele Presentes e o Sacolão Farias. E já há espaço reservado para TIM, Vivo e Santander.Com tanto interesse no potencial de consumo local-cerca de 20 empresas procuraram a União de Moradores nos últimos 18 meses para se instalar-, ficou mais caro montar ponto nos endereços mais cobiçados."http://paraisopolis.org/empresas-pagam-preco-de-jardins-em-paraisopolis/


MOSAICO A PARTIR DE www.google.com.br/images: Complexo do Alemão, Morro de Santa Marta, Rocinha, Providência, Babilônia são favelas cariocas, Rio de Janeiro; Paraisópolis é favela paulistana!





 EU DESAFIO QUALQUER UM A DECIFRAR O ENIGMA, O QUE ESTÁ POR TRÁS DAS NOVELAS DA GLOBO
I love PARAISÓPOLIS

E DE TODAS QUE VIRÃO a partir de agora no processo de exportação em massa de novelas globais, inclusive para África.


"Não sei se procede Marina da Silva, mas não seria prá dizer que não é das elite , como VC diria e sim povão ??
Ou ainda guerra de audiência?? Como prender o público?? Agradando_o... Mostrando as classes C,D... Ela existem, consomem..."Francisca
DICA: CHAVE PARA COMEÇAR DECIFRAR ENIGMA É "UM DEFEITO DE COR".
CLASSE MÉDIA C,D existem, consomem, não é "elite", MAS  na novela TEM ELITE, pouco culta, mas tem. E guerra.

Resultado de imagem para faveleira caatinga
www.google.com.br/images."Cnidoscolus quercifolius (sin. C. phyllacanthus. Anteriormente conhecida como Jatropha phyllacantha Müll.Arg.),1 popularmente chamada de favela, faveleira, faveleiro ou mandioca-brava2 , é uma planta da família das euforbiáceas. É endêmica do Brasil. A sua gama de distribuição inclui os estados do Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Alagoas, Sergipe, Bahia, Pernambuco, Piauí e São Paulo.É a planta que deu origem ao termo "favela", por ocasião da Guerra de Canudos. É um arbusto. Possui flores brancas, dispostas em cimeiras. O fruto é uma cápsula que contém sementes oleaginosas2 , semelhantes às sementes de fava. Daí, os nomes "favela", "faveleiro" e "faveleira".http://pt.wikipedia.org/wiki/Cnidoscolus_quercifolius

"Favela era o nome de uma árvore frondosa que dava muita sombra, onde os negros repousavam. Tinha no Rio de Janeiro na época do Brasil Império, pelo que estudei." Cláudia
CERTÍSSIMA!
Faveleira é uma planta e favela é lógico vem dai. As favelas, folhagens DA FAVELEIRA alimentavam o gado no nordeste na época das longas secas. No lugar onde hoje está parte da favela PROVIDÊNCIA no Rio de Janeiro existia esta planta e foi esta área que o governo da província partilhou com aqueles que bravamente lutaram nas guerras do império e os pobres que vieram para a região expulsos, por exemplo, das limpezas urbanas (cortiços, senzalas-ex-escravos, trabalhadores que vieram construir o Rio de Janeiro e São Paulo).
Hoje onde é o riquíssimo bairro LAGOA no RJ, mais caro pedaço de "terra Brasilis", estava a favela Cabeça de Porco!
FAVELA É UMA PALAVRA LINDA DE SE FALAR E DE SE ENTENDER O  PROCESSO DE FORMAÇÃO DA POPULAÇÃO BRASILEIRA. ENTÃO PORQUE CHAMAR FAVELA DE COMUNIDADE???? VIVA AS FAVELAS!
Mosaico a partir de www.google.com.br/images. NA REAL: É NOVELA DE DENÚNCIA DE DESIGUALDADES SOCIAIS OU CERCAMENTOS MODERNOS, EXPULSÃO DOS FAVELADOS INVIABILIZANDO A VIDA NA "NOVA PARAISÓPOLIS" DE CUSTO DE VIDA ALTÍSSIMO? Teoria de conspiração...claro...que NÃO!

I love PARAISÓPOLIS! É a rede Globo assumindo descaradamente seus interesses, DE QUE LADO  a globo ESTÁ E O QUE VAI AJUDAR A FAZER COM AS FAVELAS BRASILEIRAS.
1- Paraisópolis é uma FAVELA, comunidade é a palavra para limpar a sujeira da trama;
2. Pela primeira vez A FAVELA É ATOR/ATRIZ/PERSONAGEM PRINCIPAL e não só tema para encaixar os afro-brasileiros nas novelas e cumprir a lei de cota;
3. Processo de clareamento dos favelados, pessoas que tem seu lar e/ou trabalho nas FAVELAS. 99% dos atores globais receberam JET BRONZE PARA FICAR PRETO e ocupar o lugar dos negros;
4- A rede Globo não usou OMO NEM O PODER VANISH ROSA , mas está vendendo embranquecedor para embaçar a visão dos noveleiros sobre a cor da pele e do nosso IMENSO LEGADO AFRICANO, a maioria morador de favela.
5- EMBRANQUECER = EUGENIA=NAZISMO=HITLER=MILHÕES DE ASSASSINATOS, GRANDE PARTE DE JUDEUS, UNS 6 MILHÕES, eu não contei.
6- PARAISÓPOLIS tem patrono(a) BRANCA BENFEITORA fingindo ser retardada sobre a história de formação do povo brasileiro citando VITOR HUGO!
7. Os negros da novela estão CADA UM NO SEU QUADRADO ao lado de gregos, portugueses, troianos.
8. Como A FAVELA É PERSONAGEM PRINCIPAL E ÚNICO MOTIVO DA NOVELA a trama deve ser desvendada por nós: o que liga A FAVELA, A ESPECULAÇÃO IMOBILIÁRIA E FINANCEIRA NO BAIRRO LUXUOSO DO MORUMBI E O BRANQUEADOR DE AFRO-BRASILEIROS GLOBAL?