Postagens populares

Pesquisar este blog

Carregando...

domingo, 20 de janeiro de 2013

BRAZIL: uma história do Amor...

Há 50 anos?

 

www.google.com.br/images

Zé Pi



            E ele foi se aproximando, aos poucos, olhando para os lados, para o céu e...
 -Pode ficar perto, de você?
         Ela se afasta e, como se já soubesse:
-Você é velho.
-Sou não.
-É sim, já tem onze, né?
-Você também não é novinha...
-Só doizinho menos, tá?
-Não parece.
-Não sou neném.
-Não falei isso.Também acho que você já é menina grande.
-Bobão, o que tanto olha?
-Bobona.
-Feioso.
-Eu sei. Lá em casa tem espelho.
-Engraçadinho, tô brincando, mas tô com raiva.
-De mim, de quem, de quê?
-Detetive?
-Não. Só saber...
-Minha mãe mandou usar sutian.
-Ficou linda.
-De verdade?
-Claro.
-Por que?
-Por que...Porque... Gosto de você... Muito.
-Mentira.
-Cê que acha.
-Por que?
-O quê?
-Que você disse antes.
-Eu disse que gosto muito de você.
-Diz de novo.
-Precisa?
-Não, mas fala?
-Gosto...
Ela ficou vermelha, olhando bem para ele, ajeitou o cabelo que já estava amarrado e com uma fita rosa.
-Mãe tá me chamando.
-Nem ouvi.
-Vou embora, tá?
E ele rápido no gatilho:
-Amanhã vou te esperar aqui.
-E eu vou esperar chegar amanhã, tá?
 Ela correu e foi embora e ficou de lá, olhando pela porta entreaberta, até que ele, como Carlitos, girando em torno de si, uma, duas, três vezes, virasse a esquina, felissíssimo da vida.
 
www.google.com.br/images
 
E começou assim, desde...Uma história que ainda se chama amor, tá?